Número total de visualizações de página

sexta-feira, 25 de maio de 2012

Espanha: Encontrados ossos de um mamute em Tarragona


Há cinco anos que uma equipa de paleontólogos escava o barranco de La Boella, em Canonja, Tarragona. Agora, os paleontólogos encontraram restos de um mamute com cerca de 700 mil anos.
“Encontrámos no local, restos de uma tíbia, uma costela e um osso articular de um mamute do sul com 700 mil anos, assim como restos de muitos outros animais como veados, cavalos, hipopótamos e fragmentos dentários de uma hiena”, neste cado com 200 mil anos,  informou o responsável da escavação Josep Vallverdú.

Também foram encontrados restos de pedras esculpidas e ferramentas com pedra fabricadas pelos humanos que permitem “explicar a evolução dos animais e dos grupos humanos pré-históricos.”
Na sua opinião estes achados colocam La Boella “ao mesmo nível que Atapuerca ou Orce, enquanto escavações europeias que fornecem dados relevantes para ajudar a explicar a migração humana e a evolução das espécies.”
Neste sentido, o cientista do Instituto Catalão de Paleoecologia Humana e Evolução Social (IPHES) aponta que no próximo verão serão publicados nas principais revistas internacionais um estudo onde será provado que por La Boella “passou uma segunda migração de África há cerca de 1.8 milhões de anos”, o que tornará este local numa referência.
cidade de Canonja construiu um muro de contenção para proteger das inundações a zona conhecida como La Mina, onde foram encontrados os primeiros restos de mamute há cinco anos atrás.  Por outro lado, o IPHES e Canonja estão a planear a construção de um Centro de Interpretação para mostrar os restos mortais dos animais encontrados.

Sem comentários:

Enviar um comentário